A Aegea realizou nesta quinta-feira (25) seu evento anual voltado para o público de analistas financeiros e investidores. Os painéis conduzidos no Aegea Day pelas lideranças da empresa apresentaram ao público a trajetória de crescimento da companhia e aspectos regulatórios do setor de saneamento.

Flávio Crivellari, CFO da holding, demonstrou o crescimento nos últimos anos da Companhia, ilustrado pelo aumento anual de 30,2% do EBITDA desde 2006, resultado de aquisições, sucesso em processos licitatórios e implementação de turnaround nos ativos adquiridos, com aumento da eficiência operacional e expansão da cobertura de água e esgoto.

O desenvolvimento do negócio mais recente se deu principalmente pela aquisição da Águas de Manaus – maior compra realizada até o momento – que passou a integrar o portfólio de concessionárias do grupo no meio do ano passado e já representa 20% da receita da holding.

Na concessionária Águas de Manaus estão em curso ações voltadas para o contato proativo com a população, tendo já conectado três mil novas moradias e regularizado 13 mil conexões, reduzindo a inadimplência, além de promover uma aproximação com o usuário. Hamilton Amadeo, CEO do grupo, ressaltou o princípio da empresa de implementar vínculos duradouros com a comunidade, “a Licença Social para Operar é ponto central para empresas que queiram ter um crescimento sustentável no longo prazo”.

Além disso, merece destaque as ações de consolidação e ganho de eficiência na Águas de Teresina, em operação desde 2017, que tem contado, por exemplo, com um programa focado na melhoria e expansão do serviço prestado e que impactou e mudou uma realidade local de falta de água entre os meses de setembro e dezembro. Conhecido popularmente por B-R-O-BRÓ, esses meses registram temperaturas muito altas e um clima bastante seco.

Rogério Tavares, Vice-presidente de Relações Institucionais, tratou dos aspectos regulatórios de setor e os pontos centrais da MP do saneamento que está atualmente em tramitação. A apresentação de Tavares evidência a urgência pelas mudanças para ampliar os investimentos no setor e perseguir as metas de universalização dos serviços.

Atualmente, a Aegea atua em 49 municípios, em 11 estados, prestando serviços para cerca de 7,6 de brasileiros. Esse número irá aumentar com a finalização das negociações que estão em curso para aquisição de uma nova operação, referente à PPP de esgoto em Guarulhos, atingindo a marca de 9,1 milhões de usuários – tornando-se responsável por 36,4% das operações privadas de saneamento do país.

Share Button

Os comentários estão fechados.